Tchau, 2016. Oi, 2017!

Atibaia, 22 de dezembro de 2016. Dezembro. Último mês deste ano que nem vimos passar. Foi um ano dificilmente especial... Janeiro começou com encontros de amigos; quis reunir o quanto pude todos eles em casa porque sabia que o primeiro ano na fusão mãe-bebê é especialmente isolador. Era o último mês de Miguel em minha…

A primeira carta a Miguel.

Atibaia, 13 de outubro de 2015. Oi filho, como estão as coisas aí dentro da mamãe?Espero que muito bem. Você está crescendo saudável e fazendo crescer em nós um amor único, multiplicado. Descobri que você estava chegando no dia 28 de junho de 2015. Era noite, estava chovendo, seu pai tomava banho e seu irmão estava dormindo. Devo confessar: foi…