Carta para minha Sogrinha

Atibaia, 6 de março de 2021.

Ouvindo “Dia Clarear”, Los Hermanos

Oi Lê, como estão as coisas por aí, Sogrinha?
Espero que já tenha se situado, e que tenha sido recebida com muito amor e carinho por todos que amava e que já tinham partido para o outro plano.

Hoje faz uma semana… parece que vivemos um ano em sete dias!
A segunda começou com a corda toda, muito trabalho – graças à Deus – e o pensamento em você. É uma mistura de sentimentos tão doida… seguimos sabendo que foi melhor, hoje você não sente mais dores e segue cuidando da gente aí… é muito louco não conseguir sentir e viver o luto por causa das demandas, mas temos nos permitido chorar sempre que a vontade vem, ou quando falamos sobre algo que você gostava, ou quando lembramos de alguma piada, ou quando toca uma música que a senhora gostava.

Brinquei que agora é a gente que vai falar: “Nossa, ouvi aquela música e me vieram tantas lembranças… eu choreeeeei, nossa como eu choreeeeei” – daquele jeito intenso que a senhora falava especialmente quando se referia à partida da Rute, lembra?

Que coisa você e a Edna terem ido embora no mesmo dia, com a diferença de um ano. A história e amizade de vocês é linda! Espero que já tenham se reencontrado aí.

Essa semana além de muito trabalho, o estado fechou de novo por causa da pandemia. Estamos mais 14 dias em lockdown, as escolas fecharam de novo, enfim… toda aquela loucura. Alguns de nossa família também positivaram para COVID-19. Calhou com o isolamento, ainda bem! Graças à Deus que foi tudo agora; penso que nada é por acaso… já pensou todo mundo positivo sem poder ir ajudar a senhora? Fica preoupada não que com cuidados necessários tudo ficará bem.

Ainda não fizemos os testes, estamos esperando ter vaga nas farmácias… já começamos a nossa quarentena também, embora não tenhamos apresentado sintomas efetivos. Beni e Mimi seguem em casa, essa semana foi bastante desafiadora, mas acho que por conta da nossa própria mistura de sentimentos. Faz parte!

Segue daí que a gente promete se cuidar direitinho daqui.
Lu está de olho no Tide, e eu de olho no Lu, fique tranquila.
Olhe por nós todos daí… te amo!

Um beijo, com saudades…
Norinha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.